quarta-feira, 18 de maio de 2011

TU

Era o teu rosto.
Era tua pele
Antes de te conhecer
Existia nas árvores
E nos montes e nas nuvens
Que olhava ao fim da tarde.
Muito longe de mim,
Dentro de mim,
Eras tu a claridade.

Sem comentários:

Enviar um comentário