domingo, 16 de janeiro de 2011

POEMA AMAR NÃO É QUESTIONAR



AMAR NÃO É QUESTIONAR

Amar não é questionar
Ama-se alguém, sabe-se lá porquê
Sabe-se que houve um faiscar
Olhos e coração encontraram-se
Nasceu logo aí a razão para amar
Depois palavras de doçura
Amar não é questionar
É um frémito que para sempre dura
O amor é como uma aura
Devemos estar sempre atentos e à altura
Da dádiva de ter a quem amar
Usemos sempre em conjunto com o amor a brandura
Ser feliz e fazer valer a nossa felicidade
Valer sempre a ternura
Todos os dias, em toda a idade
Amar não é questionar
Quem ama não questiona
Respeitar, para se fazer respeitar
Procura-se sempre ser sublime
No acto de dois corações a amar
Sem hipocrisia
Amar será sempre gostar
Gostar de outrem em qualquer dia
Amar mão é questionar

Sem comentários:

Enviar um comentário