domingo, 24 de outubro de 2010

MEU DIA PRIMEIRO


MEU DIA PRIMEIRO

(para todos os meus amigos com carinho completo)

Pode aceitar Deus
Essa prece minha
Nessa hora não sou falho
em esperança não...
Esse teu filho doido
que você resgata sarjetas todas
Compõe hoje sua prece mais
Desprotegida de certezas...
O que tem aqui é um agradecimento completo...
Revejo o ano todo
E não há vergonha nenhuma aqui
Fiz o que fiz
e sei que Você aceita...
Pode aceitar Deus!
Essa prece minha
Sou aquele menino
que jogaram água em minha cabeça
e disseram:
-Eis aqui seu filho Senhor
E hoje eu repito aqui no tom exato
em que perco
a voz
o juízo
e a medida certa do amor
para lhe dizer:
Eis aqui seu filho!
Obrigado pela Dádiva
da emoção que não cabe explicação nesse mundo não
Só se explica em Você...
Por isso dobre meus joelhos
Adeje minha alma entre harpas
Nesse dia da esperança
faz deitar meus medos ao teu redor
São tão pobres!
E Você Deus
seja sempre o dia primeiro de toda minha existência

Sem comentários:

Enviar um comentário